Facebook
0800 643 2499
 SMS 27800  

Ressarcimento de danos



A Cerbranorte possui um setor de ressarcimento que trata dos danos em equipamentos elétricos de unidades consumidoras de baixa tensão, ocasionados por deficiências ou anormalidades no sistema. Para que um processo de ressarcimento seja aberto, é necessário que haja algum registro de falha em nosso sistema, seja uma queda de energia ou até mesmo um curto circuito. A solicitação pode ser feita pelo titular da UC, na sede da cooperativa.

O pedido de ressarcimento deve ser feito em até 90 dias após o aparecimento do dano. Depois que o processo é aberto, uma vistoria é agendada no prazo de 10 dias. O consumidor não está autorizado a retirar o equipamento da Unidade Consumidora e nem consertá-lo antes que o técnico efetue a vistoria. Após vistoria, mais 15 dias podem ser necessários para fazer a análise de todo o processo. Conforme estabelecido pelas resoluções Aneel 414/2010, e módulo 9 do Prodist, a Cerbranorte não indeniza equipamentos consertados antes da autorização prévia.

Na vistoria são observados itens como a situação do padrão, a qualidade do condutor até a tomada, a proteção individual do equipamento, instalações internas da Unidade Consumidora, qualidade da tomada de energia e o aterramento. Todos os processos de ressarcimento abertos são estudados e, indeferidos ou não, são justificados.



 Os processos de ressarcimento podem ser indeferidos quando: 

• A solicitação for feita após o prazo de 90 dias.
• For encontrado registro de anomalia que afetou a Unidade Consumidora, mas essa se deu em situações de emergência e/ou calamidade pública.
• O defeito apresentado não tem origem elétrica.
• Durante a verificação for constatado que o aparelho danificado não está no local, está funcionando ou foi concertado sem autorização prévia.
• Não há registro de perturbação no sistema elétrico que possa ter afetado a Unidade Consumidora na hora e data aproximada informados na ocorrência do dano.
• For constatado que o dano reclamado foi causado pelo uso incorreto do equipamento, por inadequação na instalação ou por uso de carga que provoque distúrbio e dano.